Maricá 208 anos

Vanderlei Luxemburgo é proibido de comemorar o dia dos professores por incompatibilidade de salário

Vanderlei não acreditou quando recebeu a notícia. FOTO: Pasquale
Vanderlei não acreditou quando recebeu a notícia.
FOTO: Pasquale

A decisão partiu do comitê dos professores que se sentem injustiçados pelos baixos salários na profissão. Segundo os líderes do comitê, o técnico do Flamengo Vanderlei Luxemburgo não tem nenhum direito de comemorar essa data que nem deveria ser comemorativa, devido ao nível de salário que recebe em sua profissão.

Segundo a assessoria do pofexô, Vanderlei está abalado com a situação, porém compreende a situação dos professores que passam por tais dificuldades. Ainda de acordo com o comitê, se juntar o salário de todos os professores brasileiros, não dá 1% de um salário mensal do técnico rubro negro.

Outra solicitação feita pelo comitê é que o adjetivo “pofexô” seja excluído da associação ao técnico, visto que isso está causando prejuízos para a classe: “Todo mundo acha que os professores possuem salários baseados no dele e com isso, não aumentam o nosso nem por nada”, disse um professor.

Veja esta notícia no Facebook: http://goo.gl/VaZlO9