Maricá 208 anos

Obras em estádios foram comandadas por líderes de manifestações contra a Copa para atrasar o evento

Os manifestantes ainda garantem que não haverá Copa. (FOTO: Robinho)
Os manifestantes ainda garantem que não haverá Copa. (FOTO: Robinho)

Uma denuncia chegou na caixa de entrada da redação do TrollaBola fazendo com que nossos investigadores começassem a trabalhar. Um leitor que terá seu nome preservado enviou uma denúncia alegando que as obras em estádios da Copa do Mundo 2014 foram gerenciadas por manifestantes contra o evento que ocorrerá no Brasil.

O objetivo de comandas as obras eram justamente esse: atrasar tudo! Os manifestantes disfarçados de engenheiros e engravatados tinham como meta fazer com que os estádios não ficassem prontos a tempo de começar a Copa do Mundo no Brasil ou tentar ao máximo atrapalhar o andamento do processo. Enquanto isso, seus aliados manifestavam a revolta contra a Copa nas ruas de todo o Brasil.

A equipe investigativa do TrollaBola conseguiu falar com um desses manifestantes que não pôde ter seu nome e muito menos seu rosto identificado, devido à ameaças, porém conseguimos um trecho dos dizeres do rapaz: ‘’Ainda acreditamos que não haverá Copa, mesmo que falte pouco mais de um mês para começar. #NãoVaiTerCopa”, disse o manifestante após queimar um álbum de figurinhas diante de nós.