Maricá 208 anos

Funcionários retiram balizas do gol corintiano e rivais terão que chutar contra o próprio gol

A estratégia ainda corre o risco de não dar certo. (FOTO: Andres Sanchez)
A estratégia ainda corre o risco de não dar certo. (FOTO: Andres Sanchez)

Agora é tudo ou nada! Os funcionários do Itaquerão ousaram na estratégia que ainda corre riscos de não dar certo. Hoje pela manhã, a baliza do gol corintiano foi retirada do gramado sem que ninguém impedisse. A ideia é trazer a vitória do Timão no seu próprio estádio que não vem há 102 anos.

A ação demorou alguns minutos e precisou de apenas 5 funcionários para a retirada. Segundo eles, a ação não é 100% eficaz e temem que o jogo termine empatado: “Do jeito que está, o jogo pode terminar 0 a 0. Acredito  que os rivais vão até querer ajudar, mas os próprios jogadores atrapalharão”, disse um funcionário.

A diretoria do clube ao saber disso, aumentou o salário dos rapazes e deram uma folga para amanhã alegando que eles vestiram a camisa do clube e o defendeu. Além disso, os funcionários farão exames médicos e terão uma avaliação para identificar o potencial no futebol. Caso seja positivo, já serão escalados na próxima partida.