Maricá 208 anos

Blatter tenta pagar o almoço com notas falsas que foram jogadas nele e é preso na Suíça

As notas tinham o rosto do senador Romário. FOTO: Maria Marin
As notas tinham o rosto do senador Romário.
FOTO: Maria Marin

O presidente da FIFA Joseph Blatter foi preso na Suíça ainda agora, na hora do almoço. Segundo testemunhas, Blatter estava muito abalado durante o evento pela manhã, mas parecia que estava blefando. O presidente teria pego as notas falsas que foi atacado e guardado na cueca e teria ido almoçar após a término.

O que Blatter não imaginava é que seria pego pelo recepcionista do restaurante em que almoçava junto com todos os demais dirigentes. O repórter do TrollaBola que cobria o evento e almoçava na mesa ao lado disse que Blatter teria convidado todo mundo para o almoço e tinha garantido que iria pagar a conta.

No fim do almoço, Blatter foi pagar a conta com as notas em que foi atacado e foi desvendado pelo caixa do restaurante que identificou todas as notas falsas, que possuíam o rosto do Senador Romário. Todos os dirigentes junto de Blatter se juntarão aos outros dirigentes presos. Segundo a assessoria, há possibilidade do próximo evento ocorrer lá de dentro.

Veja esta notícia fictícia no Facebook: